sexta-feira, 18 de setembro de 2009

♫ Antônio Marcos ♪


No universo musical, ele foi um dos melhores cantores do país, com interpretações únicas e expressivas, com muito sentimento em sua belíssima voz que marcou a história da MPB, muitos acham ele insuperável, Antônio Marcos.
Antônio Marcos Pensamento da Silva (São Paulo, 8 de novembro de 1945 — São Paulo, 5 de abril de 1992) foi um ator, compositor, violinista, humorista e cantor brasileiro.
Trabalhou como office-boy, vendedor de varejo e balconista de loja de calçados, passando pelos programas de calouros, para chegar ao rádio e finalmente à televisão. De 1960 a 1962, destacou-se no programa de Estevam Sangirardi, cantando, tocando violão e fazendo humorismo.
Em 1967 integrou o coral Golden Gate e atuou nas peças Pé Coxinho e Samba Contra 00 Dólar, de Moraci do Val, no Teatro de Arena. Convidado por Ramalho Neto, gravou seu primeiro disco pela RCA, como integrante do conjunto Os Iguais, tornando-se logo solista e fazendo sucesso com a música Tenho Um Amor Melhor Que O Seu (Roberto Carlos e Erasmo Carlos), que reapareceu em seu primeiro LP e vendeu mais de 300 mil exemplares.
A partir daí, seguiram-se outros sucessos, como Oração De Um Jovem Triste (Alberto Luís) e Como Vai Você (com Mário Marcos).
Foi lançado no cinema por J. B. Tanko, no filme Pais Quadrados... Filhos Avançados (1970), participando também de Som, Amor E Curtição (1972) e de outros, além de atuar em peças teatrais, como Arena Conta Zumbi (Teatro de Arena, direção de Augusto Boal, 1969) e Hair (Teatro Aquarius, direção de Altair Lima, 1970).


Atingiu seu maior sucesso em 1973, com O Homem De Nazaré (Cláudio Fontana). Um de seus últimos sucessos foi a canção-tema de O Profeta, telenovela da TV Tupi na qual participava sua futura esposa Débora Duarte. Já casado com a atriz, participaria com ela da telenovela da TV Bandeirantes, Cara a Cara, na qual também interpretava a canção-tema.
Tem oito LPs em português e quatro em castelhano, além de gravações feitas no exterior.

Em 1991 pretendia lançar um LP contendo uma versão de Imagine, de John Lennon, mas Yoko Ono, viúva de John, vetou a versão, o que, aliado à falência da gravadora (Esfinge), impediu o lançamento do disco. Morreu vítima de complicações resultantes do alcoolismo.
Após sua morte, foram lançados os CDs Acervo (1994, coletânea RCA/BMG) e Aplauso (1996, coletânea RCA/BMG). A música Como Vai Você foi regravada pela intérprete Daniela Mercury.
Foi casado com Vanusa — com quem teve as filhas Amanda e Aretha — com Débora Duarte —com quem teve Paloma Duarte.


Antônio Marcos (Antônio Marcos Pensamento da Silva), cantor, compositor e ator, nasceu em São Paulo SP, em 08/11/1945, e faleceu em 05/04/1992.
Trabalhou como office-boy, vendedor de varejo e balconista de loja de calçados, passando pelos programas de calouros, para chegar ao rádio e finalmente à televisão. De 1960 a 1962, destacou-se no programa de Estevam Sangirardi, cantando, tocando violão e fazendo humorismo. Em 1967 integrou o coral Golden Gate e atuou nas peças Pé coxinho e Samba contra 00 Dólar, de Moraci do Val, no Teatro de Arena. Convidado por Ramalho Neto, gravou seu primeiro disco pela RCA, como integrante do conjunto Os Iguais, tornando-se logo solista e fazendo sucesso com a música Tenho um amor melhor que o seu (Roberto Carlos e Erasmo Carlos), que reapareceu em seu primeiro LP e vendeu mais de 300 mil exemplares.
A partir daí, seguiram-se outros sucessos.... Foi lançado no cinema por J. B. Tanko, no filme Pais quadrados... filhos avançados (1970), participando também de Som, amor e curtição (1972) e de outros, além de atuar em peças teatrais, como Arena conta Zumbi (Teatro de Arena, direção de Augusto Boal, 1969) e Hair (Teatro Aquarius, direção de Altair Lima, 1970).
Atingiu seu maior sucesso em 1973, com O Homem de Nazaré (Cláudio Fontana).

Tem oito LPs em português e quatro em castelhano, além de gravações feitas no exterior.
Em 1991 pretendia lançar um LP contendo uma versão de Imagine, de John Lennon, mas Yoko Ono, viúva de John, vetou a versão, o que, aliado à falência da gravadora (Esfinge), impediu o lançamento do disco.
Morre Antônio Marcos, ídolo da Jovem Guarda.
Domingo, 5 de abril de 1992
São Paulo, 05 - O ex-cantor da Jovem Guarda (e companheiro da dupla Erasmo e Roberto Carlos) Antônio Marcos morreu hoje por volta das 22h no hospital Osvaldo Cruz, na capital.

Ele deu entrada no pronto-socorro com dores abdominais e hipotensão arterial (pressão baixa) e estava "consciente e não-alcoolizado", mas teve um agravamento do seu quadro clínico e foi internado na UTI, onde veio a acontecer a parada cardíaca em função de uma "insuficiência hepática fulminante".O laudo foi dado pelo doutor Arnaldo Guilherme Cristiano, e o corpo vai ser velado no próprio hospital. O corpo do cantor será enterrado amanhã no cemitério Girassóis de Parelheiros, na Zona Sul de São Paulo.
Nos anos 60, junto com Erasmo e Roberto Carlos, Antonio Marcos foi um dos cantores de sucesso da Jovem Guarda. Sua música "Como Vai Você? ", gravada por Roberto Carlos, vendeu mais de 700 mil discos nos anos 60.
Outros dois compactos, "O Homem de Nazaré" (1974) e "Oração de Um Jovem Triste" (1975), venderam, cada um, outros 500 mil exemplares.Antonio Marcos também passou pelo teatro.

Fez parte do Arena, onde trabalhou no espetáculo "Arena Conta Zumbi", sob a direção de Augusto Boal. Foi o ator principal da montagem carioca do musical "Hair", e protagonista de uma novela da extinta Tupi, "Toninho on The Rocks" (1969).

Participou também de dois filmes no cinema: "Pais Quadrados, Filhos Avançados" e "Som, Amor e Curtição".
Sua vida pessoal foi tumultuada. Casou pela primeira vez em 1972 com a cantora Vanusa, com quem teve duas filhas, Amanda e Aretha.

Depois com a atriz Débora Duarte, com quem teve mais uma menina, Paloma Duarte.
Com Rose, sua terceira mulher, foi pai de Pablo, um menino que hoje,já um homem. Há dois anos morava com Ana Paula, filha de Nice Rossi, que foi casada com seu amigo Roberto Carlos(Especulação ou boato?).

A última música gravada por Antonio Marcos foi "Por Amor" (1991), versão para "Unchained Melody", tema do filme "Ghost". Uma questão é que achar material sobre Antônio Marcos é díficil, mas, o que foi possivel até o presente momento, esta aqui disponível. Obrigado por vossa visita e até mais, um abraço...

"Eu nasci em São Miguel Paulista no dia 08 de novembro de 1945, meu pai...já viajou, o nome dele era "Seo" Vicente, minha mãe aínda suporta, o nome dela é dona Eunice.
Eu tenho oito irmãos mais novos e quatro filhas,duas do primeiro casamênto, e duas do segundo casamênto que amo, as duas do primeiro casamênto são Amanda e Aretha e as que vivem hoje comigo são a Daniela e a Paloma.
Tenho alguns desejos na vida, alguns...pouquíssimos arrependimentos, felicidades em exageros...er...torço para o São Paulo(Risos), gosto profundamente de algumas pessoas e respeito todas as outras.
Eu me chamo Antônio Marcos Pensamento da Silva."

(Entrevista á Radio em especial Antônio Marcos 1982)
Você é um homem místico?
"Eu sou um homem éhh...cristão,eu acho que...mas o tipo de cristão que eu sou é um cristão preucupante, porque eu sou cristão, eu sou Chevara, sou Kennedy, sou Paulo Neruda, Chico Buarque de Holanda, Milton Nascimento, Gilberto Gil, Mário Marcos, Débora Duarte, Lima Duarte, meu pai "Seo" Vicênte, minha mãe...
Eu sou as pessoas que me arrepiaram a vida."

(Foto: Antônio Marcos e esposa,a espetacular atriz Débora Duarte)
Débora Duarte:
"O Toninho tem uma maneira especial de ser pai, porque ele aprendeu, ele tem uma grande sabedoria que é a inveja que eu não tenho da vida, é que ele gosta da pessoa dele, muito em determinados aspéctos, então a maneira dele amar é tão sem culpa que é absolutamente honesta e sincera, então ele pode mandar muita atenção sempre ou nem ser paciênte ou nem estar muito presente, o que a gente acharia normalmente dentro do padrão que devería estar para ser um bom pai...

Mas o amor dele é uma coisa tão honesta, tão segura, ele...ele não se sacrifica nem um pouco para corresponder padrão nenhum e sim, ele se sacrifica para pagar qualquer preço para manter a pessoa dele, a honestidade dele, que o pouco que ele esta com as crianças, a maneira dele dar amor as crianças é tão bonita, tão efetiva, as vezez muito,muito melhor, mais eficiênte do que gente a exemplo do padrão, que as crianças se sentem muito amadas e gostam muito dele.
Tanto é que ele passa um tempão sem ver,e quando encontra é como se tivesse estado uns dez anos juntos, então ele tem uma maneira muito bonita de passar amor pros filhos,na minha opnião,o bom pai é aquele que passa uma segurança emotiva ao seu filho, é o que faz com que seu filho se sinta amado,seguro afetivamente, e eu acho que esta qualidade o Toninho tem."
(Débora Duarte)
Antônio Marcos:
"Eu vou dizer uma coisa pra vocês,é... antes que a gente tem que passar por um comercial qualquer,eu quero dizer o seguinte,ah...eu sou uma pessoa hoje que convivo bem com a vida, presente que eu ganhei da minha mulher, que me ensinou tipo...tipo...menos que eu fosse, eu era uma pessoa grande."

Na foto acima, Antônio Marcos , um dos melhores cantores do Brasil e possivelmente do mundo com sua belíssima filha Paloma Duarte(ela cresceu e continua com este maravilhoso sorriso!) , que atualmente é uma das melhores atrizes do Brasil, tão espetacular, quanto a também atriz Débora Duarte, sua mãe, que é fantástica...quanto o avô, um dos melhores atores de todos os tempos, Lima Duarte.
Confiram, as glerias de fotos e videos, obrigado por vossa presença, até mais...



Antônio Marcos - Vai meu irmão (Fantástico 1978)





Claudio Fontana - Antônio Marcos - O Homem de Nazaré





SONHO DE UM PALHAÇO - Antônio Marcos





POR AMOR - ANTÔNIO MARCOS - UNCHAINED MELODY




No início de 1992, ANTÔNIO MARCOS
aparece pela última vez na televisão
(Programa Mulheres - TV Gazeta)
cantando POR AMOR - versão da
música UNCHAINED MELODY - tema
do filme de grande sucesso GHOST.


*POR AMOR

Meu amor, meu sonho,
O mundo é de nós dois!
É só de nós dois!
Deus marcou o dia
E o amor aconteceu!
Você e eu!
[Eu] te quero amar,
Ser de nós dois,
Sem nenhum medo de depois...
Quero te apertar, sem dormir,
E te olhar,
Não ser mais de mim, só lhe dar!
Por onde eu andar,
Eu te levo também
Pra ser o teu bem,
Mais ninguém!
Meu amor, meu sonho,
O mundo é de nós dois!
É só de nós dois!
Deus (Deus) marcou o dia
E o amor aconteceu!
Você e eu!
[Eu] te quero amar,
Ser de nós dois,
Sem nenhum medo de depois...
Amor! Amor! Amor!

OBS.: Vinheta "O QUE É, O QUE É",
voz da cantora GISELLE MARTINE -
CD "Diamantes" (1996)
.

Antônio Marcos - E não vou deixar mais você tão só

Um comentário:

  1. Muito Bom a anos estava procurando sobre a vida dele

    ResponderExcluir